PSTU lançará candidato a governador

O nome escolhido foi o do professor Geraldo Carvalho, que já de candidatou, por duas vezes, ao Governo do Estado

Depois de reunir sua militância no último final de semana, o Partido Socialista dos Trabalhadores Unificados (PSTU) decidiu que o partido terá representatividade nas eleições de outubro deste ano. O nome escolhido para encabeçar a chapa pelo partido, foi o do professor de sociologia da Universidade Federal do Piauí (UFPI), Geraldo Carvalho, que já se candidatou, por duas vezes, ao Governo do Estado, em 1998 e 2002.

Segundo Geraldo Carvalho, o partido já definiu sua pré-candidatura à presidência da República com o nome do metalúrgico José Maria de Almeida, o ?Zé Maria?. Agora, o partido está articulando os nomes que disputarão os governos estaduais, que no Piauí terá candidatura própria. ?Os candidatos da situação e oposição de direita vão continuar defendendo os interesses dos grandes empresários. Por isso, a nossa candidatura é para oferecer uma alternativa classista à população?, argumenta.

A nível nacional as conversas com os demais partidos já estão acontecendo. No Piauí, segundo Carvalho, essas conversações serão intensificadas a partir de abril. Por enquanto, as conversas apontam que o partido deverá formalizar alianças com outros partidos de frente esquerda classista e socialista, como o PSOL e PCB. ?A nossa idéia é discutir um programa de ruptura com o imperialismo?, pontua, acrescentando que o partido já se articula para trabalhar a candidatura em todo Estado. (M.M)

Fonte: Mayara Martins