PT prepara manifesto em que acusa Serra de "falso moralismo"

PT prepara manifesto em que acusa Serra de "falso moralismo"

O documento martela o discurso de que Serra "abandonou a prefeitura" antes da metade do mandato

O PT preparou um manifesto com duros ataques ao pré-candidato do PSDB a prefeito de São Paulo, José Serra, para a festa em que pretende marcar o início da campanha de Fernando Haddad, no próximo sábado.

O texto, discutido nos últimos dias no comitê petista, acusa o tucano de "falso moralismo" e diz que ele passou a defender uma "visão conservadora" em busca de votos na eleição de 2010.

O documento martela o discurso de que Serra "abandonou a prefeitura" antes da metade do mandato e afirma que ele cumpriu integralmente apenas 17% das promessas que fez em 2004, quando derrotou Marta Suplicy (PT).

A estratégia de Haddad tem como principal meta antecipar a polarização com o tucano e forçá-lo a reagir a suas críticas, o que ele tem se recusado a fazer até aqui.

Fonte: Folha