PT vai apoiar Marcelo Castro na disputa por presidência da Câmara

Dos 58 deputados da bancada, dez votaram contra o apoio a Castro

A bancada do PT da Câmara decidiu apoiar o deputado Marcelo Castro, candidato do PMDB à presidência da Casa.

Dos 58 deputados da bancada, dez votaram contra o apoio a Castro, e três se declararam indecisos. A indicação de Castro foi decidida pela bancada do PMDB na manhã de terça-feira.

A definição gerou incômodo no Palácio do Planalto. Para auxiliares do presidente interino Michel Temer, Castro é um “ícone” da ala dissidente do partido, que se manteve contra o impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff até o último momento.

Segundo auxiliares de Temer, Marcelo Castro não tem um histórico de afinidade com o PMDB, nem com o presidente interino. Além disto, confrontou a resolução do partido, em março deste ano, que determinou o desembarque do governo Dilma e proibiu os peemedebistas de ocuparem cargos na gestão da petista.

Por haver contrariado a decisão, Castro se tornou alvo de processo de expulsão na Comissão de Ética do PMDB, que ainda está sob análise.— Qualquer um no PMDB seria melhor que o Marcelo Castro para o governo. É claro que preocupa, porque não se sabe ainda o que isto significa para o governo — disse uma fonte do Planalto.

Marcelo Castro (Crédito: Divulgação)
Marcelo Castro (Crédito: Divulgação)


Fonte: O Globo