"Quem não deve não teme", diz Wellington sobre ação no TSE

Ele afirmou que o objeto da ação mostra que ele não cometeu ilegalidade

O governador Wellington Dias afirmou que "quem não deve não teme" em relação ao pedido de cassação do seu mandato solicitado pelo senador Mão Santa por suposto crime eleitoral durante as eleições 2006.

Ele afirmou que o objeto da ação mostra que ele não cometeu ilegalidade, já que não entregou nenhuma carteira de motorista no período eleitoral e a criação da escola de trânsito foi um projeto aprovado pela Assembléia Legislativa. "Apenas cumprimos a lei", disse Wellington Dias.

Fonte: Efrém Ribeiro, Jornal Meio Norte / meionorte.com