"Quem se sente coitadinha não pode ser presidente", disse Dilma sobre Marina Silva

A afirmação foi feita durante entrevista no Palácio do Planalto

A candidata à Presidência da República Marina Silva foi chamada de "coitadinha" pela presidente Dilma Rousseff neste domingo, 14, quando foi questionada sobre os embates recentes. Para Dilma, a presidenciável tem levado para o lado pessoal os questionamentos sobre seu programa de governo. "Quem se acha coitadinha não pode ser presidente da República", disse durante entrevista no Palácio da Alvorada.

A presidente disse ter ficado indignada com as críticas de Marina à gestão do PT na Petrobras e lembrou que a concorrente foi do PT durante 27 anos, dos quais boa parte pertenceu à bancada petista no Congresso e à equipe de ministros do ex-presidente Lula. "Ser presidente é aguentar críticas e pressão todos os dias. Tem que ter coluna vertebral", disse. "Quem leva críticas para o lado pessoal não vai ser boa presidenta", alfinetou.

Dilma deu as declarações após fazer um pronunciamento à imprensa sobre o Programa Ciência sem Fronteiras. A presidente Dilma tem adotado a prática de conceder entrevistas coletivas, no Alvorada, sempre que não tem agenda pública de campanha.

Maranhão
A presidente foi questionada a respeito da situação do ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, que foi citado pelo ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa, durante depoimento de delação premiada, como um dos beneficiados no escândalo de pagamento de comissão da estatal. Questionada se ela teria dado apoio nesta semana ao candidato de oposição a Lobão no Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), em razão do escândalo, Dilma explicou que mandou fotografias suas ao lado de Dino porque ele a apoia e não comentou o caso do ministro com a Petrobras. Apesar de Dilma ter confirmado apoio a Flávio Dino na disputa pelo governo do Maranhão, o PT entrou formalmente a coligação de Lobão Filho no Estado e faz oposição a Flávio.

Nesta semana, reportagem de O Estado de S.Paulo mostrou que o comitê de campanha de Flávio Dino em São Luís recebeu adesivos estampados com foto da presidente Dilma ao lado do candidato do PCdoB. Segundo a presidente, os adesivos foram enviados porque Dino a apoia.

Clique aqui e curta a página do meionorte.com no Facebok

Fonte: Yahoo