Regulamentação de bolsas dos residentes e preceptores é aprovada

A deputada governista Flora Izabel (PT) elogiou a aprovação

O Plenário da Assembleia Legislativa aprovou por unanimidade, na manhã de ontem, o projeto que cria e regulamenta a bolsa dos residentes e preceptores em âmbito estadual.

A matéria encaminhada pelo Executivo, há cerca de dois meses, já havia sido alvo de discussões envolvendo a Secretaria de Fazenda e os parlamentares da base governista, a meta é acertar as disposições, de modo que os pagamentos não sofram mais atrasos, nisso, a perspectiva é que o orçamento destinado ao pagamento gire em torno de R$ 11 milhões, sem custos extras para o Governo, tendo em vista que as despesas estavam previstas.

A deputada governista Flora Izabel (PT) elogiou a aprovação em primeira votação no Plenário, demandando as discussões acerca da importância da iniciativa.

"Nós já havíamos votado o projeto encaminhado pelo Executivo na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), essa bolsa e a regulamentação dela é importante, pois poderemos ter o pagamento por conta própria da Uespi (Universidade Estadual do Piauí), evitando que atrasos aconteçam", indicou a parlamentar, que em recente entrevista elogiou o esforço do secretário Rafael Fontelles na regularização, impondo a preocupação do Executivo com a questão.

Por fim, Flora impôs que o projeto constata um grande ganho para os residentes e preceptores. Com a regulamentação das bolsas médicas, o Governo corrige empecilhos antigos e responde aos anseios do Ministério da Educação (MEC). "Este é um projeto de suma importância, agora, basta encaminhá-lo", afirmou.

Fonte: Francy Teixeira