Rejane Dias nega possibilidade de ser vice de Elmano Férrer

Rejane Dias nega possibilidade de ser vice de Elmano Férrer

Seu nome “não está a disposição” do PT para compor com o pré-candidato do PTB.

Mesmo votando a favor da manutenção das prévias petistas que decidiram pela aliança entre o PT e o PTB, a deputada estadual Rejane Dias (PT) segue afastada do pleito municipal em Teresina. Ela disse que não cogita a possibilidade de ser vice do prefeito Elmano Férrer (PTB). ?Meu nome não está à disposição para ser vice e eu gostaria de não participar do pelito deste ano?, frisou. Os petistas decidem no próximo dia 09 qual será o vice de Férrer.

A parlamentar explicou os motivos para ter votado favorável à coligação com o PTB, apesar de sua chapa ter protocolado recursos na instância estadual contra a decisão tomada no último dia 25 de março. O recurso impetrado pelo petista Oscar de Barros, alegando irregularidades no processo de votação e a consequente nulidade, foi derrotado por sete votos a dois. Entre os que votaram a favor da manutenção do resultado das prévias, estavam os deputados Fábio Novo, Rejane Dias e João de Deus, integrantes do bloco que defendia candidatura própria do partido.

?Uma comissão instituída pela Executiva estadual, na qual faço parte, detectou diversos erros e irregularidades nas prévias, mas eu e os outros colegas compreendemos que essas irregularidades não foram suficientes para anular as prévias do partido e alterar o resultado final?, pontuou Dias, acrescentando ainda que os casos de irregularidades serão levados ao Conselho de Ética do PT. ?Queremos que o partido aplique as penalidades previstas?.

Rejane Dias classificou ainda o processo de definição da aliança com o PTB como ?doloroso e traumático?.

Fonte: G1