Reunião no MP pede providências da PMT em relação aos lixões

A idéia é que a Prefeitura tome providências mais enérgicas para punir os proprietários dos lixões.

Os vereadores R.Silva (PP), Décio Solano (PT) e Rosário Bezerra (PT) estiveram reunidos na manhã de ontem com a promotora Cléa Cristina, na Curadoria do Meio Ambiente para tratar das providências a serem tomadas pela Prefeitura de Teresina em relação aos 104 lixões identificados na cidade. A idéia é que a Prefeitura tome providências mais enérgicas para punir os proprietários dos lixões.

O encontro contou ainda com a participação de representantes da Prefeitura de Teresina e também da Qualix, empresa responsável pela coleta de lixo da cidade. Segundo o vereador Décio Solano (PT) o problema dos lixões acontece devido a falta de ações punitivas concretas por parte da prefeitura. Por conta disso, os vereadores acionaram o Ministério Público para intermediar o impasse. O vereador R.Silva ressaltou também que a qualidade do serviço de coleta de lixo de Teresina será avaliado pelo MP. ?Há muitas reclamações. O valor pago pela prefeitura é alto e o serviço não é de qualidade?, pontuou.

Entre as providências cobradas por parte do Ministério Público é a identificação dos proprietários dos lixões. ?A partir daí, poderemos responsabilizar os proprietários, com aplicação de multas e outras sansões?, avaliou o vereador, acrescentando que outra medida que deverá ser adotada pelo Ministério Público é obrigar os proprietários a cercarem ou murarem seus terrenos. A idéia é também fazer com que a Prefeitura, por meio da Procuradoria Geral do Município cobre a execução das multas. ?E que acontece é que as multas são aplicadas, mas não pagam e fica por isso mesmo. É preciso responsabilizar essas pessoas para que o problema não persista?, reitera. (M.M)

Fonte: Mayara Martins