Rosário é candidata e Rodrigo diz que PSB não abre mão da disputa

“Queremos um tratamento igual a todos os vereadores, concursos públicos e mais transparência na Câmara.

Dessa vez a eleição para a presidência da Câmara Municipal de Teresina não caminha para um consenso. Dois nomes já se colocam como candidatos ao posto: a vereadora Rosário Bezerra (PT) e o vereador Rodrigo Martins (PSB). ?Meu nome está posto e nosso grupo conta com 13 vereadores do PT, PTB, PTC, PP e PHS. Eles solicitaram meu nome e represento os novos vereadores, eleitos e reeleitos?, explicou Rosário. Segundo ela, sua principal bandeira na campanha será o fortalecimento da ?independência entre os Poderes Legislativo e Executivo?.

?Queremos um tratamento igual a todos os vereadores, concursos públicos e mais transparência na Câmara.

Inclusive, queremos in- cluir nos concursos tradutores de linguagem de sinais. Temos que fiscalizar com mais atenção o Executivo, não podemos deixar o gestor à vontade, mas nosso objetivo não é atrapalhar e sim ajudar a governar?, ponderou a parlamentar petista, que representa a oposição ao prefeito eleito, Firmino Filho (PSDB).

Já o vereador Rodrigo Martins garante que só será candidato se o atual presidente da Casa, vereador Edvaldo Marques (PSB), não buscar a reeleição. Edvaldo foi eleito através de consenso, e não teve opositores declarados na eleição para a presidência da Câmara. Martins elogiou Bezerra, mas deixa claro que o PSB terá candidato ao cargo de presidente do Legislativo Municipal. ?Ela é uma vereadora preparada e tem todas as condições para essa disputa?, frisou.

Ele, no entanto, lembra que ?só há uma vaga?. ?Não podemos compor, então respeito a posição dela, mas também teremos candidato e vamos nos articular. Ainda sobram 16 vereadores, já que ela disse que 13 estão compondo com a chapa dela. Se o Edvaldo declinar, colocamos nosso nome à disposição?, pontuou Rodrigo.

Fonte: Sávia Barreto, Jornal Meio Norte