Secretário Franzé Silva busca parceria com empresários do Piauí

Explanando as alternativas de investimento em pesquisa científica

Explanando as alternativas de investimento em pesquisa científica, tecnológica e de inovação no Piauí, o secretário de Administração e Previdência, Franzé Silva, apresentou na manhã de ontem aos empresários que atuam em diversos setores econômicos o Fundo de Pesquisa e Desenvolvimento Técnico-Científico (Fundes), objetivando as vantagens em se aplicar recursos no setor. A iniciativa ainda foi conduzida pela Fapepi e se estendeu na ampliação do diálogo, de modo que todos possam estar unidos em prol do crescimento da região.

No limiar das perspectivas ensejadas pela reunião, o presidente da Fapepi, Francisco Guedes, esclareceu que o Fundes tem vários objetivos, entre os quais, promover intercâmbio de pesquisadores nacionais por meio de bolsas de estudo, estimular a criação de alianças estratégicas e projetos de cooperação entre empresas piauienses; incubadoras de empresas, instituições públicas e privadas sem fins lucrativos em que a atividade de pesquisa gere produtos e processos inovadores.

Abstrações realçadas por Franzé, impondo os benefícios advindos da medida. "As empresas aplicam recursos em pesquisa de forma menos burocrática, com custos mais baixos e maior eficiência, além de se beneficiar dos incentivos fiscais", detalhou.

FÓRUM - Na ocasião, o secretário aproveitou para destacar a realização do I Fórum de Tecnologia, Inovação e Ciência do Piauí (FORTICS) que será realizado em Parnaíba, indicando para a presença do ministro Aldo Rebelo e do ex-ministro piauiense Reis Velloso. Silva aproveitou a oportunidade para acrescentar que a finalidade é criar novo arranjo produtivo, revitalizar e fortalecer o desenvolvimento dos polos da região.

Fonte: Francy Teixeira