Senador Cristovão Buarque pede a prisão de Heráclito, Mão Santa e João Vicente Claudino

Ele explicou que os advogados do PDT estão avaliando a possibilidade de elaborar uma petição

Os senadores piauienses Heráclito Fortes (DEM), Mão Santa (PSC) e João Vicente Claudino (PTB), que compõem a mesa diretora do Senado tiveram a prisão pedida pelo também senador Cristovão Buarque (PDT-DF).

Na última quarta-feira (28/10), o plenário do Supremo rejeitou o último recurso do senador Expedito Júnior (PSDB-RO), condenado por compra de votos em 2006, e ordenou que o Senado desse posse imediata ao segundo colocado, Acir Marcos Gurgacz (PDT-RO). Expedito, no entanto, continua no cargo.

Cristovam Buarque explicou que os advogados do PDT estão avaliando a possibilidade de elaborar uma petição pedindo a prisão dos membros da Mesa, que estariam atropelando uma decisão da Corte máxima do país.

OUTRO LADO

Heráclito rebateu as afirmações de Buarque e declarou que "não está em desacordo com a decisão do Supremo?. Segundo ele, a Mesa achou por bem atender a solicitação do Senador, para que a Comissão de Constituição e Justiça seja ouvida sobre o caso

Fonte: Sávia Barreto, Jornal Meio Norte