Senadores irão ouvir Petrobras sobre denúncias de espionagem

Senadores irão ouvir Petrobras sobre denúncias de espionagem

A presidenta da Agência Nacional de Petróleo, Magda Chambriard, também será convidada.

O Senado quer ouvir nos próximos dias a presidenta da Petrobras, Graça Foster, e os ministros Celso Amorim (Defesa), Luiz Alberto Figueiredo (Relações Exteriores) e José Elito (Gabinete de Segurança Institucional) para discutir as denúncias de espionagem à petrolífera. A presidenta da Agência Nacional de Petróleo, Magda Chambriard, também será convidada. O requerimento para o convite das autoridades foi aprovado nesta terça-feira (10) pela Comissão de Assuntos Econômicos do Senado.

Reportagem exibida pelo Programa Fantástico, da TV Globo, no domingo (8), revelou que documentos da Agência de Segurança Nacional dos Estados Unidos apontam que a Petrobras foi espionada. Ontem (9) a presidenta Dilma Rousseff, divulgou uma nota dizendo que, "se forem confirmados os fatos veiculados pela imprensa, fica evidenciado que o motivo das tentativas de violação e de espionagem de dados do Brasil, que agora têm como alvo a Petrobras, não é a segurança ou o combate ao terrorismo, mas interesses econômicos e estratégicos".

?Por estarmos às vésperas da licitação do maior campo de petróleo da área do pré-sal, no caso do Campo de Libra, faz-se extremamente necessária a presença dos convidados para que explicitem aos representantes do Poder Legislativo quais medidas estão sendo tomadas para proteger os dados estratégicos a respeito do evento?, diz o senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) na justificativa do requerimento. O leilão está marcado para 21 de outubro.

Fonte: Agência Brasil