Sílvio rebate secretário e diz que há atraso do pagamento do Seguro Safra no Piauí

Rubem Martins adiantou que irá entrar com uma ação de queixa-crime contra o tucano.

Apesar do secretário de Desenvolvimento Rural do Estado, Rubem Martins, afirmar que as declarações do ex-prefeito e candidato ao Governo estadual, Sílvio Mendes (PSDB), no horário eleitoral transmitido no rádio e na TV, são ?inverídicas?, Sílvio segue reafirmando que a atual administração estadual não repassou os recursos referentes à sua contrapartida para a execução do Seguro Garantia Safra.

Martins adiantou que irá entrar com uma ação de queixa-crime contra o tucano. ?Está tudo quite, não devemos nada e já vamos depositar a parcela de outubro?, disse o secretário. Mendes, por outro lado, retruca que documentos do MDA (Ministério do Desenvolvimento Agrário), provam que o Governo do Estado atrasou o pagamento das parcelas dos meses de abril, maio, junho, julho e agosto do Seguro. A contrapartida do Governo do Estado corresponde a R$ 2.459,376.

?A União só efetua o pagamento para os agricultores após a integralização da contrapartida dos municípios e do Estado. Se o Estado pagou sua parte agora, embora com muito atraso e motivado por denúncias, é bom porque as famílias agricultores não podem esperar?, completou Sílvio Mendes.

Fonte: Sávia Barreto, Jornal Meio Norte