Timon City vence chamamento público do transporte interestadual

Essa é mais uma etapa após a quebra de 40 anos de monopolio.

O chamamento público para definir qual empresa está apta a operar no transporte público interestadual entre Teresina e Timon foi divulgado hoje e a empresa vencedora foi a Timon City. Essa é mais uma etapa após a quebra de 40 anos de monopólio e após a delegação do transporte urbano para o Consórcio Intermunicipal de Mobilidade Urbana que vai administrar os serviços de transporte semiurbano de passageiros entre as duas cidades.

Os usuários das cidades vizinhas ganham mais mobilidade e qualidade com os novos ônibus que começam a circular em breve. O transporte interestadual semiurbano de passageiros avança graças a luta do deputado federal Silas Freire (PR), que viabilizou reuniões entre o Ministro de Transportes Antônio Carlos Alves, e Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

Em reunião nesta quarta-feira em Brasília, Silas Freire conversou com o diretor geral da ANTT, Jorge Bastos, que informou que todo o processo de instalação dos novos serviços de transporte público será acompanhado de perto pelo órgão.

Para o parlamentar a importância desse acordo é que agora a população vai parar de sofrer com os problemas de transporte público que se arrasta há anos sem nenhuma melhoria. ‘’Essa politicagem nos transportes públicos em Teresina e Timon cansou a população. Há 40 anos os usuários sofriam nas mãos de um monopólio. Chega dos políticos tirarem vantagem sobre população. Hoje demos um basta e conseguimos trazer mais conforto e qualidade aos que dependem do serviço de transporte coletivo’’ declarou o deputado.

Já o diretor geral da ANTT, Jorge Bastos, enalteceu a participação ativa da bancada do Maranhã e do Piauí, especialmente do deputado Silas Freire “Sem ajuda dos parlamentares isso não teria acontecido, cumprimento o deputado Silas que trabalhou para conseguirmos. Éramos operados desse sistema por força legal mas no momento em que as duas cidades se propuseram a fazer esse Consórcio, com a atuação dos parlamentares, e com nossos esforços foi possível esse resultado positivo.

O convênio de delegação terá prazo de duração de 15 anos e não implicará qualquer transferência de recursos financeiros entre seus participantes, devendo cada um assumir as despesas e encargos decorrentes de sua participação conforme o acordo.

O próximo passo é a fase de licitação e de trâmites legais, em cerca de dois dias a Timon City já poderá estar circulando e ficará operando até uma próxima licitação. O consórcio agora vai acompanhará todo esse processo de licitação, mas a ANTT segue participando pois terá um representante no Consórcio.


Silas Freire  (Crédito: Assessoria )
Silas Freire (Crédito: Assessoria )
Fonte: Com informações da Assessoria