Trabalhadores rurais bloqueiam entrada do Ministério da Fazenda

Trabalhadores rurais bloqueiam entrada do Ministério da Fazenda

Desde o começo da manhã desta terça o grupo está no ministério e não há previsão sobre o horário em que eles deixarão o local

Um grupo de trabalhadores rurais sem-terra bloqueou nesta terça-feira (23) as duas principais entradas do Ministério da Fazenda, na Esplanada dos Ministérios, após ocuparem a recepção do prédio. Eles pedem que o governo acelere a reforma agrária e amplie o orçamento do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra).

De acordo com o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), cerca de 4 mil pessoas participam do protesto no Ministério da Fazenda.

O grupo, formado por integrante da Via Campesina e do MST, espera ser recebido pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega, para tratar sobre os investimentos federais na área.

Desde o começo da manhã desta terça o grupo está no ministério e não há previsão sobre o horário em que eles deixarão o local.

Conforme o Ministério da Fazenda, estão bloqueadas a entrada principal e a entrada privativa do miinistro. A assessoria diz que o grupo não chegou a entrar dentro do prédio e foi contido pelos seguranças da recepção. Neste momento, a equipe do gabinete do ministro negocia uma solução para a situação. Alguns servidores conseguiram entrar pelo anexo do ministério, mas muitos foram dispensados.

De acordo com a assessoria de imprensa do MST, o movimento quer discutir ainda o assentamento imediato de 60 mil famílias acampadas pelo país.



Fonte: g1, www.g1.com.br