Travestis estrelam anúncio do Ministério da Saúde

Travestis estrelam anúncio do Ministério da Saúde

Segundo órgão, elas são mais vulneráveis à infecção por HIV

O Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais do Ministério da Saúde vai exibir nesta sexta-feira (29), em Curitiba, no Paraná, vídeos, cartazes e folders produzidos por travestis para uma campanha de direitos humanos.

O dia 29 de janeiro é Dia da Visibilidade das Travestis. Essa produção é voltada principalmente para as próprias travestis. Segundo o ministério, a campanha “Sou travesti. Tenho direito de ser quem eu sou” quer, além de “promover a inserção social”, disseminar informações sobre a prevenção de doenças sexualmente transmissíveis (DST) e da Aids.

De acordo com a diretora do departamento de DST do órgão, Mariângela Simão, o fato de serem vítimas de violência e terem dificuldade de acesso a serviços de educação e saúde as tornam “mais vulneráveis” à infecção pelo HIV. Em março, o Ministério da Saúde vai distribuir os materiais via internet.

Fonte: g1, www.g1.com.br