TRE-PI gastará apenas R$ 6.772 em eleições suplementares no domingo

Neste domingo, 07, os eleitores de dois municípios, Dom Expedito Lopes e Cristalândia, devem ir às urnas escolher os novos prefeitos

Neste domingo, 07, os eleitores de dois municípios, Dom Expedito Lopes e Cristalândia, devem ir às urnas escolher os novos prefeitos nas eleições suplementares marcadas pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PI) depois da cassação dos gestores eleitos no pleito de 2008. Aproveitando a estrutura já montada para as eleições gerais do segundo turno, que ocorreram no último dia 31 de outubro, o TRE-PI gastará apenas R$ 6.772, sendo R$3.790 em Dom Expedito e R$ 2.982 em Cristalândia.

Em Cristalândia, concorrem o candidato a prefeito Nemias Cunha Lemos e o vice, Luís Carlos da Cunha, da coligação ?Juntos por uma Cristalândia melhor?, formada pelo PTB e PDT. Eles disputam com Acival de Sousa Lisboa, candidato a prefeito e Valdemir Rodrigues Nogueira. A chapa original era composta por Elton Carlos Lemos e Paulo Barbosa da Silva, na coligação composta pelo PSB, PT e PP.

No município serão 23 sessões, onde 5.271 eleitores votarão. O ex-prefeito de Cristalândia, Ariano Messias Nogueira Paranaguá (PSB) e o vice, Fausto Célio de Sousa, foram cassados no mês passado no TRE-PI acusados de abuso de poder político e econômico e compra de votos. O vice-presidente da Câmara de Vereadores, Robson Lustosa, está interinamente no comando da cidade.

Já em Dom Expedido Lopes, onde devem votar 5.834 eleitores em 24 sessões, concorre no pleito extemporâneo a coligação "O Progresso Continua", com os candidatos a prefeito José Belo e a vice, Socorro Dantas, pelo PSB. Eles são apoiados pelo prefeito cassado, Benedito Dantas Neto (PTB) e disputam com a ex-primeira-dama Francisca Ivete do Nascimento (PRTB), esposa do ex-prefeito Agenor Lima, que é candidata a prefeita e Valmir Barbosa (PDT), candidato a vice-prefeito.

O advogado Jôfran Santos Moura (PT) e o vice, Paulo de Sousa Santos, também inscreveram chapas para a corrida municipal. A Prefeitura de Dom Expedito está sendo administrada atualmente pelo vice-presidente da Câmara, Luiz Gonzaga de Sousa (PC do B). Após a dupla eleição no dia 07, o TRE-PI também irá comandar a escolha do novo prefeito de Oeiras, no dia 14 de novembro.

O Piauí já realizou eleições suplementares nos municípios de Barras, Baixa Grande do Ribeiro, Pimenteiras, Francinópolis, e São Pedro desde as eleições municipais de 2008. O TRE-PI só determina novas eleições quando a chapa vencedora das últimas eleições alcançou mais da metade dos votos. (S.B.)

Fonte: Sávia Barreto, Jornal Meio Norte