TRE: JVC pode usar imagem de Dilma e Lula

A juíza eleitoral Haidee Castelo Branco seguiu a decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE)

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PI) voltou atrás na decisão de impedir o senador João Vicente Claudino (PTB) de usar a imagem da ex-ministra e candidata do PT à Presidência, Dilma Roussef, e do presidente Lula durante sua campanha ao Governo estadual. A liminar impetrada pelo PSDC, suspendendo as imagens de Lula e Dilma dos cartazes de campanha do petebista, foi suspensa pela juíza eleitoral Haidee Castelo Branco.

A magistrada seguiu a decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que permitiu ao presidenciável que concorre em coligação liberar voz e imagem para programa eleitoral gratuito, em âmbito regional, para candidatos concorrentes entre si e para candidato do partido ao qual o presidenciável é filiado. Como a coligação trabalhista inclui o PDT, coligado nacionalmente com o PT, João Vicente pode seguir com a divulgação de sua imagem junto com Lula e Dilma.

A ação do PSDC foi motivo de rachas internos na sigla. Apesar do presidente do partido, Sérgio Bandeira, querer impedir a utilização da imagem de Dilma, o secretário geral da legenda no Estado, Nilson Santos, e dez suplentes de vereadores do PSDC declararam, na semana passada, apoio à candidatura de Claudino.

Além de usar a imagem dos petistas, João Vicente também poderá contar com eles em seu palanque. O ministro Alexandre Padilha, que está no Piauí desde sábado, afirmou que Dilma deve tentar conseguir o máximo de votos possíveis no Estado, inclusive, participando da campanha de Claudino e do governador Wilson Martins (PSB). Padilha será homenageado hoje com a medalha do Mérito Conselheiro José Antônio Saraiva, que leva o nome do fundador de Teresina. (S.B.)

Fonte: Sávia Barreto, Jornal Meio Norte