Candidatos não podem participar de inauguração de obras

Pelo calendário eleitoral, as propagandas só poderão ser feitas a partir de 06 de julho

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) está fechando o cerco contra os candidatos nas eleições deste ano. Pelas novas regras, publicadas na última sexta-feira, pelo TSE, os candidatos nas eleições de 2010, estarão proibidos de participar de inaugurações de obras públicas a partir de 03 de julho.

Pelo calendário eleitoral já aprovado, as propagandas eleitorais só poderão ser feitas a partir de 06 de julho. O objetivo do TSE é evitar que candidatos façam menção a conclusão de obras como se fosse realização sua. Antes, a Justiça Eleitoral proibia apenas que candidatos a presidente, governador e vice participassem das inaugurações de obras. Com as novas resoluções, a proibição se estendeu para os demais candidatos.

Outra mudança aconteceu em relação aos registros de candidatura. Agora, os candidatos tem até o dia 10 de julho para registrar suas candidaturas. Anteriormente, a Justiça Eleitoral concedia 48 horas, depois do encerramento do prazo dado aos partidos políticos. O novo prazo passa a ser contado a partir da publicação da lista de candidatos pela Justiça Eleitoral. (M.M)

Fonte: Mayara Martins