TSE registra 551 prisões em todo o país até as 16h30

Compra de votos foi o principal motivo de prisões, segundo TSE

Dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) mostram que, até as 16h30 deste domingo (3), 551 pessoas tinham sido presas por crimes eleitorais em todo o país. Desse total, 43 são candidatos.

Segundo o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Ricardo Lewandowski, os principais motivos das prisões foram boca de urna, transporte ilegal de eleitores, propaganda irregular e compra de votos.

?A maior parte das irregularidades deveu-se à compra de votos?, disse Lewandowski.

Segundo o TSE, o número de ocorrências envolvendo não candidatos chegou a 1.664. Desse total, 508 pessoas foram presas. Entre candidatos, houve 204 ocorrências até as 16h30, que resultaram em 43 prisões. Os dados foram repassados ao TSE pelos tribunais regionais eleitorais.

Fonte: g1, www.g1.com.br