Veja as definições políticas nas principais cidades do Brasil

Em São Paulo (SP), o PSDB deve referendar o nome do ex-governador José Serra

A indefinição na costura de alianças arrastou para este fim de semana o anúncio oficial de muitas chapas que concorrerão nas eleições municipais de outubro. Apertadas pelo prazo do dia 30 deste mês, as legendas encaminham suas convenções partidárias para definir seus candidatos.

Em São Paulo (SP), o PSDB deve referendar o nome do ex-governador José Serra para a disputa pela prefeitura na manhã de domingo, no ginásio anexo ao Ibirapuera. O tucano, que aparece líder nas primeiras pesquisas de intenção de votos, recebeu a indicação de pelo menos três nomes do PSD, sendo Alexandre Schneider o mais cotado. Também de olho na chapa está Rodrigo Garcia (DEM), que já garantiu apoio "incondicional", seguindo discurso do PV e do próprio PSD. Após ser abandonado pela deputada federal Luiza Erundina (PSB), descontente com a parceria do PT com Paulo Maluf (PP), Fernando Haddad ainda busca suprir a vaga de vice, para a qual se especula o petebista Luiz Flávio D"Urso, advogado do caso Yoki.

Hoje, o deputado federal Gabriel Chalita será anunciado candidato do PMDB na Praça da Sé. O partido considera o nome do ex-deputado e ex-ministro Delfim Netto para vice, mas a definição depende do PCdoB, que indicaria Leci Brandão ou a vereadora Nádia Campeão para compor a chapa. Para atrair os comunistas, o partido do vice-presidente Michel Temer recorre a parceria em Fortaleza pela eleição do senador Inácio Arruda. Já fechado com Lucas Albano (PMN) para vice, o PPS deve lançar Soninha Francine a prefeita também neste sábado.

O PMDB do Rio de Janeiro (RJ) confirmará hoje, em sua sede, a candidatura à reeleição de Eduardo Paes. O PT irá à convenção de Paes oficializar apoio ao prefeito. Amanhã, no auditório João Teotônio da Universidade Cândido Mendes, o PV aprova a candidatura da deputada estadual Aspásia Camargo, única mulher na disputa pela prefeitura da capital fluminense.

Uma das cidades com o fim de semana mais movimentado pelas bandeiras das militâncias será Porto Alegre (RS), com as convenções do PCdoB, do PT e do PSB. Nesta manhã, a PCdoB lança a candidatura da deputada federal Manuela D"Ávila na Assembleia Legislativa. O PSB, que apoia a comunista, marcou convenção para a manhã de domingo, na Câmara de Vereadores.

Após a oficialização do apoio do PR na noite de ontem, o PT homologa no domingo o vereador Adão Villaverde (PT) como candidato a prefeito da capital gaúcha. No evento, devem estar presentes o governador do Estado, Tarso Genro, o ex-prefeito Olívio Dutra, o presidente do partido, Rui Falcão, o senador Paulo Paim e as ministras Maria do Rosário e Teresa Campeiro. Ainda no domingo, o PSDB faz convenção na Câmara para escolher Nelson Marchezan Jr. ou Wambert Di Lorenzo como candidato a prefeito.

Outra capital com a cena política agitada será Natal (RN), que apenas hoje hospedará convenções do PSB, do PDT e do PV - o primeiro deve indicar Wilma de Faria para vice do ex-prefeito Carlos Eduardo (PDT). Já os verdes devem homologar a candidatura da prefeitura Micarla de Souza à reeleição.

Em Curitiba, o PMDB faz convenção para discutir apoio à reeleição de Luciano Ducci (PSB) ou candidatura própria, com o ex-prefeito Rafael Grecca ou o deputado estadual Stefani Junior. Exigindo o vice de Ducci, o PSD indicará o deputado Ney Leprevost ou o radialista Luís Carlos Martins para a vaga, contando com a presença do prefeito de São Paulo e criador da legenda, Gilberto Kassab. Ao lado do PV, o PDT lança Gustavo Fruet como candidato a prefeito, tendo como provável vice a advogada Miriam Gonçalves (PT).

O Psol de Fortaleza (CE) deve confirmar neste sábado a candidatura de Renato Roseno à prefeitura da capital cearense. Em convenção conjunta, PSB e PMDB definirão chapa para a disputa ¿ o primeiro indicará para prefeito Roberto Claudio, Salmito Filho ou Ferruccio Feitosa, enquanto os peemedebistas estudam para vice os nomes de Gaudencio Lucena, Daniel Oliveira, Valter Cavalcante e Vitor Valim. Amanhã, o PDT lança a prefeito Heitor Ferrer, com Alexandre Pereira (PPS) como vice.

Será anunciada ainda hoje a chapa pura do PSB na disputa por Manaus (AM), com o ex-prefeito Serafim Corrêa e o deputado Marcelo Ramos. À tarde, o PCdoB deve declarar apoio ao PMDB, do senador Eduardo Braga. Nesta manhã, a Frente Popular do Acre (FPA) se reúne em Rio Branco (AC) para oficializar o nome de Marcus Alexandre (PT) na chapa majoritária com Márcio Batista (PCdoB). A deputada Iriny Lopes será lançada hoje pelo PT a prefeita de Vitória (ES), e em Belo Horizonte (MG) o PDT decide se terá candidatura própria. Na briga, os presidentes municipal e estadual do partido, o deputado estadual Sargento Rodrigues e o ex-deputado Mário Heringer.

Fonte: Terra, www.terra.com.br