Vereadora Graça Amorim assina desfiliação do PTB e vai para o PMB

A vereadora vai assinar filiação no PMB sigla que pretende presidir

A vereadora Graça Amorim está enviando ofício ao Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) comunicando sua desfiliação. Agora ela assinará ficha de filiação no Partido da Mulher Brasileira (PMB), sigla que pretende presidir a partir de março.

A vereadora, que engrandeceu o PTB por muitos anos dando ao partido no último pleito municipal o privilégio de possuir a parlamentar mais votada de Teresina, afirma que sai deixando muitos amigos na sigla, apesar de ter se sentido preterida em muitos momentos.

Vereadora Graça Amorim
Vereadora Graça Amorim

 "É hora de alçar outros voos e meus ideais coincidiram com os do PMB, um partido formado por homens e mulheres, que visa alcançar por meio de medidas econômicas, sociais e políticas, o desenvolvimento nacional sem o caráter excludente e/ou discriminatório de quem quer que seja", destaca Graça.

O PMB foi registrado no Piauí no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PI) no dia 28 de janeiro de 2016 e sua Comissão Provisória possui sete membros. Em nível nacional, o partido é presidido por Suêd Haidar, mulher, mãe, nordestina do Maranhão. Como orientação partidária, o PMB é centro-esquerda com um posicionamento de centro entre o capitalismo e o socialismo.

Graça comemora a perspectiva de crescimento do PMB ainda neste primeiro ano de existência no Piauí. “São muitas as solicitações de filiação. O PMB já nasceu grande em nível nacional com a adesão de muitos parlamentares federais. Aqui no Piauí não vai ser diferente, pretendemos abrir diretórios na maioria dos municípios. As expectativas são muito favoráveis. Estamos empolgados

Fonte: Portal MN