Vice-presidente de Cuba, Juan morre aos 82 anos

Em virtude do ocorrido, o Partido Comunista de Cuba decretou luto oficial entre as 8h e as 20h (

O vice-presidente do Conselho de Estado de Cuba, Juan Almeida Bosque, morreu na noite de sexta-feira, em Havana, vítima de uma parada cardiorrespiratória, informou neste sábado a imprensa cubana.

"Com profunda dor, a direção do Partido e do Estado comunica ao povo o falecimento de Almeida", escreveu o birô político do Comitê Central do Partido Comunista em nota reproduzida pelos meios de comunicação do país.

Almeida, além de ter sido um dos primeiros a aderir ao golpe de Estado dado por Fidel Castro em 1952, "sempre esteve na primeira linha de combate junto ao chefe da revolução", destacou a nota oficial.

Em virtude do ocorrido, o Partido Comunista de Cuba decretou luto oficial entre as 8h e as 20h (hora local) de amanhã. As autoridades também convidaram a população a prestar uma última homenagem a Almeida em atos programados para acontecer na capital e em outros pontos da ilha.

O corpo do vice-presidente cubano, que não será exposto, segundo sua última vontade, vai ser enterrado com honras militares em data ainda não especificada.

Em maio deste ano, um dos filhos de Juan Almeida virou notícia por tentar fugir ilegalmente de Cuba para se reunir com a família nos Estados Unidos O homem foi detido e acusado de espionagem. Depois, publicou um livro contando sua experiência.

Fonte: Terra, www.terra.com.br