W. Dias: ""Piauí vai deixar de viver de emendas""

W. Dias: ""Piauí vai deixar de viver de emendas""

Dias informou que conseguiu enquanto era governador, 7 bilhões da União

O senador eleito Wellington Dias(PT) afirmou na tarde desta terça-feira(23), que vai lutar pelo aumento da participação na fatia de recursos para os Estados e municípios. Com isso ele defende a continuidade de um pacto especial para as parcerias na distribuição das receitas.

Ele acredita que o Piauí vai deixar de viver de emendas parlamentares, e sim, entrar nos orçamentos dos Ministérios como fazem o Ceará, Rio de Janeiro e outros Estados da federação. Wellington acredita que o perfil da bancada piauiense no Congresso Nacional vai condicionar melhor atuação, até mesmo a bancada de oposição. ? Não apenas João Vicente, Ciro e eu, mas outros parlamentares na Câmara Federal são pessoas experientes e irão contribuir para que o melhor seja feito para o Piauí. A boa relação desses deputados irá permitir disputar projetos na elaboração do orçamento dos ministérios? , disse ele.

Dias informou que conseguiu enquanto era governador, R$ 7 bilhões da União, sendo que esses recursos foram aplicados grande parte no Estado e cerca de 4,5 bilhões estão em andamento na implantação de obras.

MINISTÉRIO

Perguntado sobre a possibilidade de assumir um ministério, Wellington afirmou que já conversou com Dilma , mas tudo ficou sinalizado para ficar mesmo no Senado. Ele disse que a presidente tem simpatia para que alguém do PT fique como líder no Congresso Nacional.

? Creio que posso contribuir para ajudar o Piauí e o Brasil como uma liderança. O nosso Piauí precisa de muitas coisas?, afirmou.

Wellington Dias ainda tranqüilizou a todos sobre a participação do Piauí no governo de Dilma. ?Iremos participar da composição do governo. Vamos emplacar cargos em órgãos federais, autarquias e estatais?, finalizou.

FOTOS: HÉLVIO MENESES





Fonte: Marcos Moraes