Pontos de Recebimento de Resíduos facilitam a destinação do lixo

Em 2016, 13 novos Pontos serão implementados na cidade

Dar correta destinação ao lixo é uma responsabilidade compartilhada entre a gestão pública e a população. Isso porque o descarte de produtos, sejam eles orgânicos ou não, começa a partir do seu devido acondicionamento e armazenamento nos locais recomendados.

Pontos de Recebimento de Resíduos (Crédito: Ascom)
Pontos de Recebimento de Resíduos (Crédito: Ascom)

Os Pontos de Recebimento de Resíduos (PRR) implantados pela Prefeitura de Teresina através da Secretaria de Desenvolvimento Urbano (SEMDUH) oportunizam que a população faça o descarte adequado do lixo seco. Atualmente, 19 PRRs estão distribuídos nas zonas Leste, Norte, Sul e Sudeste de Teresina, recolhendo cerca de 1200 toneladas de lixo por mês. Em 2016, está previsto a implantação de outros 13 Pontos de Recebimento por toda a cidade.

Os PRRs são pontos de coleta com capacidade de 40 metros cúbicos, que podem receber o chamado lixo seco, que é o resíduo de capina, de pequenos geradores de lixo, móveis velhos e demais produtos geralmente descartados por carroceiros e pequenos veículos. No local, é terminantemente proibida a colocação de lixo orgânico, seja domiciliar ou comercial; animais mortos, penas e vísceras, resíduo industrial, entulhos, resíduo hospitalar, pilhas, baterias e aparelhos eletrônicos.

Um dos resultados da implementação dos Pontos é o desaparecimento de lixões irregulares. Após um levantamento realizado pela Coordenação de Limpeza Pública da SEMDUH, foi constatado a existência de 101 pontos de deposição irregular de lixo na cidade. Estrategicamente, os equipamentos de recebimento de resíduos foram instalados visando pôr fim a existência desses espaços irregulares. Após a colocação dos PRRs e sinalização de locais proibidos ao descarte de lixo, cerca de 40 lixões deixaram de existir na capital.

O uso inadequado dos containers pode acarretar em multas. Caso constatada a infração, o valor da multa é de R$ 112,00 para pessoa física e de, no mínimo, R$ 224,00 para pessoa jurídica.

Fonte: Com informações da Prefeitura de Teresina