Potycabana estuda restringir a entrada de animais no local

A razão é a grande quantidade de sujeira que os animais fazem, e seus donos não limpam. Além disso, uma pessoa afirma ter sido atacada por um cão

A entrada de cães na Nova Potycabana está sendo discutida pela coordenação do local em conjunto com outras entidades interessadas. O objetivo é evitar incidentes e também a sujeira deixada pelos animais no espaço. Esta semana está sendo iniciada uma campanha educativa para que os donos de cães possam ser informados a respeito do assunto.

Essa discussão foi motivada após algumas reclamações de usuários do espaço em relação às fezes desses animais deixadas no local. Além disso, já houve o caso de um dos visitantes da Nova Potycabana ter sido atacado por um cão.

?Os pais reclamam que as crianças ficam brincando e acabam entrando em contato com as fezes. E há ainda o medo de serem atacados pelos animais, já que alguns donos os deixam soltos no local?, explicou o Superintendente Executivo da Nova Potycabana, Francisco José da Silva Mota.

Ele afirma que a entrada dos animais não será proibida no espaço, mas que ela será regulada de forma mais rígida a partir de agora. Junto com a campanha educativa, também serão afixadas placas no local, para que os usuários sejam melhor informados do que podem ou não fazer no espaço com os seus animais.

?Desde o início já havíamos pensado nessa questão da entrada de cães no espaço, mas ainda estávamos planejando as ações. Agora, com as reclamações vamos colocar em prática?, completou.

Dentre as sugestões da coordenação da Nova Potycabana está o uso de focinheiras nos cães e o uso de kit de limpeza, para que as fezes não sejam deixadas no local.

Para a vice-presidente da Apipa, Daniela de Queiroz, a ideia do kit limpeza é boa, já o uso de focinheiras não é uma medida adequada. ?Ainda não sei exatamente quais as medidas eles irão propor para resolver essa situação, mas já fui informada informalmente da questão da focinheira que eu não acho adequada. Mas ainda vamos nos reunir para discutirmos essa questão?, afirmou.

Membros da Apipa têm uma reunião marcada para segunda-feira (17) com os gestores da Nova Potycabana para discutir esse assunto. ?A Apipa irá nos auxiliar na análise destas questões, por isso entramos em contato com eles e vamos nos reunir para discutir o assunto?, afirmou o Superintendente Executivo da Nova Potycabana.

Fonte: Pollyana Carvalho