Prefeito pede apoio da população durante campanha contra HPV

Na ocasião, após a apresentação do grupo de dança da escola, “Cordão”, o Prefeito Firmino Filho alertou ao público, sobre a importância da vacina para o público-alvo e pediu contribuição da sociedade.

CONFIRA A REPORTAGEM COMPLETA NA EDIÇÃO DESTA TERÇA-FEIRA (10) DO JORNAL MEIO NORTE

 

A abertura da campanha contra o vírus Papilomavírus Humano (HPV), que traz o slogan “Cada menina é de um jeito, mas todas precisam de proteção”, ocorreu na manhã desta segunda-feira, 9, na Escola Municipal João Porfírio Cordão, que fica na rua Cinco, no Bairro Renascença III, zona sudeste de Teresina, com a participação do Prefeito da capital, Firmino Filho e da Fundação Municipal da Saúde.

Na ocasião, após a apresentação do grupo de dança da escola, “Cordão”, o Prefeito Firmino Filho alertou ao público, sobre a importância da vacina para o público-alvo e pediu a contribuição da sociedade para que a campanha atinja o máximo de jovens possível.

“Nós estamos aqui para fazer o lançamento da campanha de vacinação contra o vírus HPV, responsável pelo câncer no colo do útero. Esse tipo de câncer pode ser evitado, se tomar a vacina. Então, é importante se precaver. Vamos levar essa informação para todos os lugares, para as famílias, vizinhanças, escolas e igrejas. Precisamos da contribuição de todos, para que a campanha seja bem sucedida”, explica o prefeito.

Durante a campanha de vacinação contra o HPV do ano passado, houve boatos de que esta fazia mal as jovens, fato que fez com que a campanha não atingisse a meta esperada. No entanto, o prefeito chama atenção de pais e responsáveis que a vacina traz grandes benefícios.

“A vacina é uma das conquistas da saúde pública. É um avanço a sociedade e traz grandes benefícios. Precisamos acabar com os mitos do passado com tais desinformações . A Vacina funciona sim”, destaca Prefeito Firmino Filho.

Segundo Amariles Borba, diretora de Vigilância em Saúde da Fundação Municipal de Saúde (FMS), foram feitas várias pesquisas para verificar o que ocorreu com supostos casos de jovens que passaram mal após receber a vacina, e não foi encontrado nenhum problema, mas sim benefícios as jovens e destaca a gratuidade do medicamento.

“O Ministério da Saúde fez várias pesquisas e análise e não encontrou nada que justificasse essas ocorrências. Pelo contrário, foi confirmado grandes benefícios dessa vacina contra o vírus HPV. Além dos benefícios, a vacina ainda é gratuita, a mesma que está nas clinicas particulares, custando mais de 500 reais. E é o SUS que está oferecendo, ele que é tao malhado pela sociedade, está oferecendo a vacina gratuitamente. A vacina é benéfica que vai evitar que daqui a 30 ou 40 anos não tenhamos nenhum óbito e nenhuma criança ou adolescente orfã. Essa é a grande chance do aumento da vida de mulheres piauienses.”, pontua Amariles Borba.

Essa mobilização faz parte das medidas de prevenção ao câncer de colo do útero, que tem como objetivo proteger mulheres que ainda não contraíram o HPV, que é transmitido pelo contato direto com a pele ou mucosas infectadas por meio de relação sexual ou ainda, no momento do parto, da mãe para o filho.

Fonte: Márcia Gabriele