PMT garante pagamento de direitos aos servidores

Principais pontos de reivindicação da categoria já foram atendidos pela Prefeitura.

A Prefeitura de Teresina recebeu com surpresa as notícias da greve dos servidores municipais deflagrada nesta segunda-feira. Isso porque os principais pontos de reivindicação da categoria já foram atendidos ou estão em fase de atendimento. Além disso, os servidores permanecem desenvolvendo suas atividades normalmente.

O secretário municipal de Administração, Sérgio Honório, citou, por exemplo, o pagamento da insalubridade aos servidores da Fundação Municipal de Saúde (FMS). Em janeiro já foram pagos R$2,5 milhões . O mesmo aconteceu em relação ao pagamento das férias coletivas aos professores, onde a Prefeitura garantiu o pagamento de R$2,458 milhões também em janeiro.

Nesta quarta-feira será pago as horas-extras a vigias e merendeiras. Sérgio Honório lembrou ainda que na última sexta-feira a Prefeitura encaminhou à Câmara Municipal um projeto de lei que possibilitará pagar o piso nacional aos professores. ?Será concedido um aumento de 7,97% retroativo a janeiro. A mensagem só pode ser encaminhada agora porque estávamos aguardando a definição do reajuste por parte do Governo Federal, mas o pagamento será feito retroativo a janeiro?, garantiu.

O secretário reiterou o compromisso da Prefeitura de Teresina em honrar todos os compromissos com o municipalismo, sobretudo em relação ao pagamento dos direitos dos servidores. ?O diálogo com o Sindicato está aberto, mas é preciso que haja uma compreensão porque estamos no início da administração e herdamos um passivo financeiro maior do que a capacidade de pagamento imediata da Prefeitura?, ponderou, lembrando que as dívidas foram deixadas pela gestão anterior.

Sérgio Honório comentou ainda que o pagamento dos servidores municipais é prioritário para a atual gestão municipal, sobretudo os pagamentos da saúde e educação, que é a maior demanda da Prefeitura.

Fonte: redação