PRF acredita que “rei da melancia” sofreu mal súbito

O veículo da vítima teve choque frontal com outro.

A Polícia Rodoviária Federal está fazendo as investigações em torno do acidente que matou o médico Juarez Rocha de Carvalho, de 60 anos, ocorrido na tarde dessa sexta-feira, 13, na BR-343, em Campo Maior. O policial rodoviário, Aguinel Rocha, que atendeu a ocorrência, acredita que ele tenha sofrido um mal súbito.

Aguinel disse que testemunhas que estava no local afirma que viram quando o carro do médico desgovernou na estrada e invadiu a pista contrária repentinamente e que o motorista da carreta ainda tentou desviar da caminhonete conduzida por Juarez, mas a colisão foi inevitável e os dois veículos se chocaram no acostamento da BR.

?Pela nossa experiência nesse tipo de acidente se conclui que o médico sofreu um mal súbito e perdeu o controle do carro, já que o automóvel saiu invadindo a pista em curva?, comentou o policial.







Fonte: Portal Campo Maior