Primeiro dia do ano registra ruas de Teresina vazias e HUT lotado

Primeiro dia do ano registra ruas de Teresina vazias e HUT lotado

O 1º de janeiro, em Teresina, amanheceu com pouca movimentação nos principais pontos da cidade. Durante a maior parte da manhã, locais como a estátua de Iemanjá (na Avenida Marechal Castelo Branco), o Parque Potycabana, e a Avenida Raul Lopes, tinham fluxo de pessoas pequeno. Diferentemente do que acontecia no Hospital de Urgência de Teresina (HUT). A Estátua de Iemanjá, ponto de encontro para adoradores da fé, amanheceu na manhã de ontem com muitas oferendas. Várias pessoas deixaram flores, velas e até garrafas de champanhe. Ontem pela manhã, somente curiosos paravam no local.

A dona de casa Rosa Silva, foi uma delas. “Estava passando de carro e decidi parar, pois achei bonita a demonstração de fé por Iemanjá”, explica curiosa. Já no outro lado do rio Poti, o Parque Potycabana, espaço de lazer e esportes de Teresina, estava fechado durante a manhã do dia 1º de janeiro. As poucas pessoas que costumam fazer suas atividades no local tiveram que voltar, ou então, escolheram outras opções. Uma das escolhidas, e com pouco movimento, foi a Avenida Raul Lopes. A via, que é conhecida como local de atividades físicas, contava apenas com poucas pessoas que decidiram levantar cedo e fazer suas caminhadas. O educador físico Geovane Damasceno conta que sempre faz suas atividades, independentemente de ser feriado, ou não. “Para mim, já é sagrado vir todas as manhãs. Só sinto que começou o dia, quando venho fazer minhas atividades na Raul Lopes”, diz. Durante a tarde, o movimento também foi registrado na Avenida Marechal Castelo Branco, outro ponto comum para a realização de atividades físicas.

No Palácio de Karnak também ocorreu a posse do novo governador do estado. Em outros anos, a cerimônia da posse gerava outro tipo de atividade, como a dos vendedores ambulantes. Porém, em 2015, somente um vendedor estava no local. Seu Raimundo, como é conhecido, era o único vendedor durante a posse. Ele que vende pipoca, contou sobre a pouca movimentação de vendedores ambulantes. “A maioria está em casa descansando no feriado. Muito difícil encontrar alguém aqui que não seja eu”, finaliza.

HUT LOTADO

Enquanto as ruas estavam vazias na capital, no Hospital de Urgência de Teresina (HUT), os corredores estavam lotados de pessoas em macas. São casos de acidentes e brigas decorrentes das festas de final de ano, problema esse, agravante a cada ano no HUT. Segundo informações sobre a lotação, a demanda de pessoas ocorreu durante toda a madrugada do dia 31 de dezembro e a manhã dia 1º de janeiro. A reportagem entrou em contato com a assessoria de comunicação do Hospital de Urgência de Teresina (HUT) para apurar mais informações acerca do grande fluxo de pacientes durante a virada do ano e qual o encaminhamento necessário, mas não obteve retorno até o fechamento desta edição.

Fonte: Virgínia Santos e Daniely Viana - Jornal MN