Professor que agrediu aluno dentro de escola é suspenso

Durante a discussão, o professor repreende o aluno e o chama de "moleque".

Afastamento de suas funções por 15 dias. Esta foi a sanção sofrida por um professor do ensino fundamental acusado de agredir um aluno durante a aula. O caso aconteceu na Escola Estadual Menandro Minahim, no município de Una, a 266 km de Salvador, e foi registrada em vídeo por um telefone celular.

Durante a discussão, o professor repreende o aluno e o chama de "moleque". O estudante levanta da carteira em alguns momentos e, em um deles, o professor o empurra, forçando-o a se sentar.

O professor não quis se pronunciar, mas o estudante reconheceu que também é culpado pela discussão, ao afirmar que "foi desrespeito entre as duas partes".

Além da suspensão, a direção da escola prevê sanções administrativas ao professor. A Secretaria de Educação do Estado da Bahia ainda não se pronunciou sobre o caso.

Fonte: UOL