Professora acusada de abusar de menor se defende dizendo que garoto a obrigou a ter relação íntimas com ele

Ela também disse que o menino era capaz de usar dominação física e psicológica para controlar todos os aspectos de sua vida.

Uma ex-professora de uma escola católica em Michigan, acusada de ter relações íntimas com um estudante de 15 anos de idade, afirma que a vítima a obrigou a realizar o ato.

Abigail Simon, de 35 anos, disse ao tribunal que um aluno da Escola Católica Central High a ameaçou e abusou dela, mas ela ficou com medo de denunciá-lo às autoridades.

“Eu não quis me envolver em relações íntimas com ele. Ele me forçou a fazer,” disse ela. Abigail e o menino, hoje com 17 anos, trocaram mensagens de texto calorosas. A mulher acabou admitindo que fossem mensagens inadequadas, mas afirmou, porém, que elas haviam sido enviadas sob pressão.

Ela também disse que o menino era capaz de usar dominação física e psicológica para controlar todos os aspectos de sua vida. Abigail foi presa quando a mãe do garoto descobriu fotos indecentes da professora no telefone celular de seu filho. Ela é acusada de quatro crimes de primeiro grau e conduta íntima criminosa.

Clique aqui e curta o Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: Gadoo