Professora gera revolta ao amarrar aluno com fita adesiva e postar fotos

Acredita-se que o aluno estaria sendo punido, e foi condenado a se sentar no canto da sala.

Uma jovem educadora infantil gerou revolta depois que supostamente envolveu a cabeça e os braços de um de seus alunos com fita adesiva e postou as imagens na internet. O caso ocorreu na província chinesa de Hebei.

Segundo informações, a professora teria compartilhado com os amigos a imagem do pequeno estudante na situação difícil e constrangedora pela rede WeChat. O aplicativo de mensagens é bastante popular na China.

A jovem leciona na Yu Tian, uma escola infantil na cidade de Langfang. Ela foi acusada de envolver fita plástica em torno da cabeça de um aluno e o deixar apenas com os olhos e o nariz livres.

Acredita-se que o aluno estaria sendo punido, e foi condenado a se sentar no canto da sala. A professora aproveitou e fotografou o garoto, fazendo com que a foto se tornasse viral na web.


 Professora gera revolta ao amarrar aluno com fita adesiva e postar fotos

Internautas ficaram enfurecidos com o comportamento da professora, e prometeram encontrar sua identidade. Eles acreditam que além de danos físicos a criança tenha sofrido psicologicamente com o incidente.

A foto fez com que inúmeros pais reclamassem das formas de punições impostas por educadores em escolas chinesas.

Fonte: Shangaiist