Programa Mais Educação muda a rotina dos alunos nas escolas da rede estadual

O Mais Educação surgiu no Piauí em setembro de 2008

Esporte, informática, dança, música e aprendizado. Essas e muitas outras são atividades que o Programa Mais Educação proporciona às crianças que estão inseridas no projeto.

No Centro de Educação Básica Freitas Neto, localizado na zona leste de Teresina, não é diferente. Cerca de dez atividades do Programa são desenvolvidas na Escola. Os contemplados são crianças de 25 turmas, de 7 a 17 anos, do 3º ano do ensino fundamental ao 1º ano do ensino médio matriculadas no regime de tempo integral.

O Mais Educação surgiu no Piauí em setembro de 2008 e, de lá até aqui, vem mudando a vida de muitas crianças.

Com o objetivo de ampliar e qualificar o tempo escolar, complementando o trabalho pedagógico de sala de aula, as crianças e jovens se relacionam com áreas diversas tais como reforço escolar, esportes e lazer, cultura e artes, educação ambiental, direitos humanos, ciência da natureza, promoção da saúde, cultura digital e novas mídias. Ocupando o tempo livre dos alunos com atividades prazerosas e repassando novas experiências.

?Eu aprendi muita coisa, são novos conhecimentos. Hoje a minha relação com os amigos é muito melhor, eu tenho orgulho da minha escola e também tenho mais vontade de vir para as aulas, tudo mudou?, conta Denilson Oliveira, aluno do 8º ano do Ceb Freitas Neto.

As atividades são desenvolvidas durante todo o horário escolar. No Piauí, todas as gerências regionais de educação já foram contempladas com o Programa. ?A nossa expectativa é que o Mais Educação cresça cada vez mais e possa beneficiar muitas crianças em todo o estado do Piauí?, comenta Leônia Eulálio Dantas, coordenadora estadual do Programa.

Em 2011, o "Mais Educação" chegou a 181 escolas em vários municípios do estado do Piauí. O Programa, criado pela portaria interministerial 17/2007 e regulamentado pelo decreto 7.083/10, estipula jornada escolar de 7 horas diárias, cinco dias por semana.

Fonte: CCOM