Projeto combate uso de drogas e violência nas escolas de Teresina

Companhia Independente de Policiamento Escolar (Cipe)

Com o intuito de desenvolver uma ação pedagógica de prevenção ao uso indevido de drogas e à prática da violência nas escolas, bem como ampliar o espírito de solidariedade, cidadania e de comunidade, a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) está realizando um trabalho conjunto com a Companhia Independente de Policiamento Escolar (Cipe), que envolve policiais militares e estudantes da rede estadual de educação.

De acordo com a soldado da Polícia Militar, Nemaura de Sousa, o projeto Cipe Cultural foi desenvolvido para crianças e adolescentes em idade escolar entre 05 e 18 anos, com o objetivo de integrar a comunidade e a polícia comunitária do Estado.

“Realizamos um trabalho de sensibilização com as crianças e os adolescentes para que estes desenvolvam estilos de vida saudáveis, mas também é importante transmitir aos pais nossas experiências para que o trabalho de prevenção ao uso indevido de drogas e a prática da violência sejam evitados”, destacou a soldado.

Entre outros valores, ela ainda destaca que o Cipe atua no fortalecimento da autoestima das crianças e dos adolescentes, no desenvolvimento de valores positivos e na sensibilização para o reconhecimento e resistência às pressões diretas ou indiretas que podem influenciar no uso de drogas ou em ações de violência.

Dentre os trabalhos realizados nas escolas estão teatro de fantoches; palestras com temas diversificados (bullying, drogas, convivência, segurança e fé); educação no trânsito para as crianças menones de 8 anos; dicas de segurança; roda de leitura; músicas e danças. Todas as ações estimulam as crianças a interagirem com os policiais.

O projeto Cipe cultural é coordenado pela soldado Nemaura de Sousa; soldado Bruna Thays Brito e soldado Valdemir Cardoso.

Fonte: Jornal Meio Norte