Projeto Música no Museu volta a Teresina nesta quinta-feira

Parceria entre músicos já soma mais de dez anos.

O Projeto Música no Museu, que apresenta a maior série de música clássica do Brasil, volta a Teresina nesta quinta-feira (13). A dupla Fernanda Canaud e Marcos Pinna irá se apresentar no Museu do Piauí – Casa Odilon Nunes, a partir das 9h. O evento é aberto ao público e um presente para a capital, que completa 163 anos.

Image title


A diretora do Museu do Piauí, Dora Medeiros, ressalta a responsabilidade de incentivar o consumo de bens culturais. “É da competência do Museu incentivar a comunidade, em especial a comunidade estudantil, ao consumo de bens culturais através do desenvolvimento de ações permanentes dentro do seu calendário de eventos”, destaca Dora Medeiros.

Iniciado em 1997, o projeto já contabiliza mais de 500 concertos por ano, com uma média de 2.500 músicos envolvidos e cerca de 650 mil espectadores. O Música no Museu já esteve em Teresina em 2011 e, segundo o coordenador do projeto, Sérgio da Costa e Silva, o sucesso da primeira apresentação os motivou a solicitar a volta do projeto este ano.

Além de apresentações em todo o país, o projeto também levou a música brasileira a países da Europa (Portugal, Espanha, França e República Theca), da América do Sul (Argentina e Chile) e aos Estados Unidos. Também conquistou inúmeros prêmios nacionais e internacionais, como a Ordem do Mérito Cultural e o prêmio Cultura Viva, da Unesco.

Parceria entre músicos já soma mais de dez anos

O Duo Fernanda Canaud (piano) e Marco Pinna (bandolim) mostra em seu novo show o resultado de uma parceria que já soma mais de dez anos. Instrumentistas requisitadas pela fina flor da música clássica e MPB, e reconhecidos como intérpretes de inegável talento, eles apresentam neste trabalho um repertório cuidadosamente escolhido, temperando clássicos do choro e da música instrumental com peças de autores contemporâneos, homenageando os imortais da música brasileira.

Nos arranjos, o destaque é dado para a pureza do som e a percepção clara dos timbres singulares dos instrumentos. Fernanda Canaud, de grande carreira nacional e internacional, tem sido intérprete em várias fases de Música no Museu destacando-se a sua recente apresentação em Las Vegas.

Um espetáculo instigante, uma rara oportunidade de ver dois grandes instrumentistas tocando uma música com características de improvisação e agilidade, proporcionando à platéia emoção em relação às composições e à performance musical em si.

Fonte: Assessoria