Projeto possibilita que alunos deficientes participem das aulas de educação física no IFPI

A adaptação foi planejada pelo professor Raimundo Fernandes, que percebendo o potencial dos estudantes, resolveu inseri-los na rotina de exercício

CONFIRA A REPORTAGEM COMPLETA NA EDIÇÃO DESTA QUINTA-FEIRA (29) DO JORNAL MEIO NORTE.

Os alunos com necessidades especiais do Instituto Federal do Piauí (IFPI) do Campus de Corrente, agora, podem realizar atividades físicas através de um projeto inovador. A adaptação foi planejada pelo professor Raimundo Fernandes, que percebendo o potencial dos estudantes, resolveu inseri-los na rotina de exercícios, possibilitando a adoção de práticas saudáveis e enriquecedoras.

Contribuindo para a inclusão e a autoestima, o projeto "Atividade Física Adaptada" foi selecionado recentemente em edital do Subprograma de Bolsas para Projetos de Extensão (PIBEX), recebendo o apoio da Coordenação de Extensão do Campus, porém, a ação teve início em setembro de 2013 e até conquistar esse reconhecimento foram muitas batalhas para obter o melhor desenvolvimento das práticas esportivas.

Desse modo, o foco é provar que a deficiência física não deve ser um empecilho para a conquista de um bom condicionamento físico. ?A ideia do programa surgiu a partir da vontade de três alunos especiais de realizarem alguns esportes, aí eu tive que ir mais além e desenvolvi técnicas específicas?, revela Raimundo Fernandes.

Fonte: Francy Teixeira