Promotor denuncia falta de estrutura no trabalho do MP no interior do PI

O presidente da APMP, Paulo Rubens, lamenta que esse quadro precário seja uma realidade



O promotor de Justiça Paulo Rubens Parente Rebouças, realizou, nesta terça-feira (10), visita às comarcas de São Pedro do Piauí e São Gonçalo do Piauí, para vistoriar a situação e atuação do MP na região e identificar quais pontos precisam ser melhorados.

Em termos estruturais, o promotor constatou que a situação não é das melhores, já que faltam recursos indispensáveis para o bom desempenho dos serviços do órgão, como internet, computadores e servidores.

O promotor disse, ainda, que a criminalidade cresceu nessas cidades, principalmente por conta da inexistência de delegado. Outra ação do promotor foi encaminhar uma representação ao Tribunal de Justiça do Piauí solicitando que fosse realizada uma correição nas comarcas.

Paulo Rubens em entrevista ao meionorte.com, lamentou que esse quadro precário seja uma realidade que atinja o Ministério Público em todo o Estado. " O orçamento muito aquém das necessidades do órgão é o grande empecilho para a implementação de melhorias significativa. As promotorias estão desestruturadas, inadequadas ao exercício, a contento, das atividades, embora isso não tenha impedido os promotores de despacharem com competência e seriedade, na maioria das vezes, fazendo verdadeiros malabarismos para atenderem à sociedade?, concluiu.

Fonte: Marcos Moraes e Assessoria MP