Queda de ribanceira mata mãe e filha em Minas Gerais

A outra filha, de 18 anos, e o filho de 8 agonizaram na mata por duas noites

Uma jovem de 18 anos e o irmão dela, de 8 anos, passaram quase 40 horas esperando por socorro, depois que o carro deles caiu de uma ribanceira na rodovia que liga o Vale do Paraíba ao Sul de Minas Gerais. A mãe deles, de 48 anos, e a irmã mais velha, de 31 anos, morreram no acidente.

A família saiu no sábado (23) de São José dos Campos, a 97 km de São Paulo, onde morava, para visitar os parentes na cidade de Virgínia (MG) e decidiram retornar no mesmo dia. Na viagem de volta, o carro caiu em uma ribanceira de cerca de 200 metros, na SP-52, em Cruzeiro, a 227 km de São Paulo. A mãe e a filha morreram no local do acidente.

A outra filha, de 18 anos, e o filho de 8 agonizaram na mata por duas noites. Eles só foram encontrados na manhã desta segunda-feira (25) pelo caseiro de uma fazenda. Por causa das lesões, eles não conseguiram pedir socorro. ?A irmã, com uma fratura na coluna lombar, não conseguiria andar, não conseguiria se movimentar para sair de onde ela estava deitada?, diz o médico Davi da Costa.

Os bombeiros que participaram do socorro não esperavam encontrar alguém vivo depois de uma queda tão alta. ?Teve uma recompensa no final que foi resgatar com vida duas vítimas?, afirma o bombeiro André Amaral. O menino já recebeu alta. A irmã dele segue internada, mas não corre risco de morte.

Fonte: g1, www.g1.com.br