Raio pode ter causado pane em avião da Air France

O voo AF 447 decolou por volta das 19h de domingo do aeroporto do Galeão (Tom Jobim)

Um raio pode ter atingido o avião da Air France, que desapareceu neste domingo depois de decolar no Rio rumo a Paris. O desdobramento dessa situação pode ter evoluído para uma pane elétrica geral na aeronave. A avaliação é do comandante Carlos Camacho, diretor de Segurança de Voo do Sindicato Nacional dos Aeronautas.

"Com outras panes decorrentes é possível que o avião tenha perdido o sistema de pressurização e também o sistema de comunicação. Ele não pode falar com a empresa nem com nenhum órgão de controle. Sem pressurização, eu presumo que ele baixou o nível de voo e aí começou a queimar combustível", explica Camacho.

O voo AF 447 decolou por volta das 19h de domingo do aeroporto do Galeão (Tom Jobim) e deveria pousar no aeroporto Charles de Gaulle, em Paris, por volta das 11h local (6h de Brasília). Em nota, a empresa afirma que a aeronave "cruzou uma zona com forte turbulência" por volta das 23h (horário de Brasília) e enviou alerta automático sobre problemas no circuito elétrico às 23h14.

"Não é comum uma turbulência derrubar um avião, mas não podemos descartar. Muitos aviões já foram atingidos por raios e uma turbulência muito forte pode jogar a aeronave no solo se ele estiver voando perto de montanhas e encostas", diz o comandante.

Fonte: OFuxico, ofuxico.terra.com.br