Rapaz posta foto sexy de ex, e namorado o acusa de terrorismo

Ele ligou para a polícia para dizer que o “rival” seria um terrorista em um voo que acabara de partir.

Dois homens, uma mulher e uma foto comprometedora no Facebook. Eles foram os protagonistas de um caso um tanto quanto curioso na Filadélfia, Estados Unidos. Kenneth Smith perdeu a cabeça quando Cristopher Shell publicou uma imagem sensual da sua namorada, e ex-parceira de Shell, na rede social. Ele ligou para a polícia para dizer que o ?rival? seria um terrorista em um voo que acabara de partir do aeroporto local.


Rapaz posta foto sexy de ex, e namorado o acusa de terrorismo

Mas tudo não passava de uma tentativa de vingança que acabou com os dois homens presos.

Quando atenderam a ligação de Smith, as autoridades rapidamente identificaram a aeronave em que Shell estava, e emitiram um alerta para o piloto. O avião deu meia-volta e retornou para o aeroporto da Filadélfia. O pouso aconteceu normalmente, mas logo diversos polícias armados entraram na aeronave, renderam o rapaz, retiraram-no do avião e fizeram um longo interrogatório.

Ele então soube quem havia feito a denúncia e logo explicou o caso. Segundo Cristopher, Kenneth tem muitos ciúmes dele por conta de sua antiga relação com a garota, não identificada. O senhor Shell afirmou ainda que já foi alvo de diversas mensagens de texto e publicações em redes sociais com tons ameaçadores. Irritados, os responsáveis pelo caso se dirigiram para o endereço de Kenneth Smith, onde ele foi preso.

Smith admitiu que ligou para a polícia para dizer que o ex-parceiro de sua namorada estava carregando ?explosivos líquidos? no avião somente por vingança relativa à foto publicada no Facebook e confirmou que as informações eram totalmente falsas. O rapaz, de 26 anos, será julgado e pode ter que pagar multa de US$ 250 mil (R$ 500 mil), além de correr o risco de pegar até 10 anos de cadeia.

?Foi o tipo de foto que deixa um namorado louco?, disse o advogado de Smith, Bill Brennan, tentando justificar a ação de seu cliente.

Mas a história não termina por aí. Inocentado, Cristopher Shell foi liberado pela polícia da Filadélfia para seguir viagem. No entanto, quando ele chegou a Dallas, a sua cidade natal e onde ele planejava comemorar o aniversário, o garoto acabou preso. Não por terrorismo, mas por dois mandatos de prisão já emitidos contra ele por conta de posse de drogas.

Os dois vão aguardar seus processos em liberdade e não quiseram comentar o caso. O único que falou com a imprensa foi o advogado de Smith. Segundo ele, seu cliente está muito envergonhado com o que aconteceu e não esperava tamanha repercussão. O pivô de toda esta confusão, namorada de um e ex-parceira de outro, está tendo sua identidade mantida em segredo.

Fonte: tech tudo