Repórter da TV MN é premiada na categoria regional pela AMB

A cerimônia de entrega dos prêmios acontecerá na próxima quinta-feira (28), em Brasília

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) inspirou algumas das reportagens premiadas na VI edição do Prêmio AMB de Jornalismo. A jornalista Cínthia Lages, da TV Meio Norte, ficou em 3º lugar na categoria Regional TV com a matéria “Recuperação de Presos no Piauí”.

O Programa Integrar, criado para auxiliar o Judiciário a adotar boas práticas de gestão que contribuam para a modernização de rotinas e, consequentemente, para a melhoria no atendimento ao cidadão, foi um dos temas da série “Justiça, Novos Caminhos”, de autoria dos jornalistas Cristina Serra e Élder Miranda, exibida na TV Globo, vencedora da categoria Grande Prêmio AMB de Jornalismo.

A primeira reportagem da série ‘Justiça, novos caminhos’, mostra as dificuldades que cidadãos encontram quando precisam da Justiça e o que o Programa Integrar está fazendo em vários Estados para agilizar os processos. O prêmio é oferecido anualmente pela Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), que congrega 36 associações regionais, com quase 14 mil juízes filiados. A AMB premiou trabalhos em 11 categorias, além de oferecer menção honrosa.

As reportagens foram julgadas pelos seguintes profissionais da área de comunicação: Elen Geraldes, Nelson Penteado, Paulo Paniago e Fernando Paulino. As notas dos jurados foram somadas em reunião realizada na última quarta, (20/01), na sede da associação, em Brasília. O trabalho com a melhor avaliação entre todos os finalistas das categorias Nacional e Regional foi eleito o vencedor do Grande Prêmio,conforme previsto no regulamento.

A cerimônia de entrega dos prêmios acontecerá na próxima quinta-feira (28/01), no Royal Tulip Brasília Alvorada, em Brasília. Outra reportagem vencedora, inspirada no trabalho realizado pelo CNJ, foi produzida pelos jornalistas Mariângela Gallucci, Felipe Recondo, Rodrigo Rangel e Vanildo Mendes, do jornal O Estado de S.Paulo. A série de reportagens, intitulada “Dossiê Estado - Raio X do Judiciário” ganhou o 2º lugar nacional, na categoria impresso do Prêmio AMB.

Fonte: JMN, www.jornalmn.com.br