Resgate faz buscas em "Algodões I"

Cinco helicópteros já foram enviados ao local para reforçar as buscas, já que existem pontos onde as pessoas ficaram ilhada

Embora não tenha sido confirmado nenhum caso de vítima fatal, mais de 30 homens do Corpo de Bombeiros do Estado do Piauí já trabalham no local. As buscas são realizadas na tentativa de encontrar pessoas que estão desaparecidas, mas que podem estar refugiadas em algum lugar. Na manhã desta quinta-feira (28), o major Emídio, falou sobre o trabalho realizado pela corporação.

?Até o momento, não foi encontrada nenhuma vítima fatal. Mesmo assim, nossos bombeiros continuam fazendo as buscas na região. Viaturas, lanchas, coletes salva-vidas, gerador e até uma viatura de incêndio já foi enviada ao local, tudo para que a população possa ficar longe dos riscos?, afirmou.

Cinco helicópteros já foram enviados ao local para reforçar as buscas, já que existem pontos onde as pessoas ficaram ilhadas. As aeronaves foram cedidas pela Polícia Militar, Defesa Civil, Chesf, Governo do Ceará e Prefeitura de Fortaleza. O governador do Estado, Wellington Dias, já se encontra no local.

A rede de energia no município de Cocal da Estação, que tem cerca de 30 mil habitantes, e Cocal dos Alves, com cinco mil habitantes, foi desligada por medida preventiva. Segundo a Cepisa, o desligamento da rede elétrica no local, diminui os riscos para os moradores, já que o nível da água subiu consideravelmente. Os hospitais dos municípios tiveram sua energia preservada.

As equipes da corporação já prestaram assistência a mais de 800 famílias que foram levadas para abrigos. Equipes da Defesa Civil Nacional e Estadual também já trabalham no local. A Barragem Algodões I, rompeu nessa quarta-feira (27), por volta das 16 horas.

Fonte: CCOM, www.pi.gov.br