Saúde do homem é tema de capacitação através da FMS na z. Leste

Programa Pré-Natal Masculino e Saúde do Homem.

Há um ano as Unidades Básicas de Saúde de Teresina estão aderindo ao programa Pré-Natal Masculino e Saúde do Homem, que pretende levar a população masculina a cuidar de sua saúde.

Ontem (25), os profissionais da saúde da Unidade Básica de Saúde do Vale do Gavião, zona Leste da capital, receberam a capacitação, através da Fundação Municipal de Saúde (FMS), para iniciar o programa com as mais de mil famílias da área.

O responsável pela palestra, o médico Robespierre Bastos, explica que o Pré-Natal Masculino está aproximando o pai do bebê do sistema de saúde. Além disso, os laços afetivos esão sendo fortalecidos com a mãe e o filho. Por isso, o programa está contribuindo positivamente para melhorar a saúde do homem que tem a expectativa de sete anos a menos que a mulher.

"Através do programa, o homem acompanha a gravidez da mulher em todas a sessões. Na primeira consulta já pedimos todos os exames de rotina mais os exames de Doenças Sexualmente Transmissão, que também as gravidas fazem. Além disso, vemos se os pacientes apresentam algum sintoma que podem indicar alguma doença e fazemos o tratamento", explica.

O médico ressalta que o programa já está dando bons resultados, somente na Unidade Básica de Saúde do Planalto Uruguai, onde o programa funciona há um ano, 64% dos pais realizaram os exames. "Nós conseguimos que mais da metade desses homens acompanhassem as mulheres e fizessem os exames, isso é um resultado muito bom.

Através do Pré-Natal Masculino, esses homens estão mais preocupados com a saúde e com certeza voltarão à unidade para o que vai fortalecer o programa Saúde do Homem", releva.

SISTEMA DE SAÚDE - Para a coordenadora da Unidade de Saúde do Vale do Gavião, Kátia Dantas, a sensibilização da população é importante para que os homens procurem o sistema de saúde com mais frequência, visto que na sociedade brasileira o homem só tem o costume de ir ao médico quando já está doente.

"A partir de segunda-feira os nossos agentes de saúde estarão indo às casas das famílias para fazer esse trabalho de sensibilização e divulgação do programa. Esperamos que os moradores homens comecem a cuidar mais da saúde e previnam as doenças", relata.

Fonte: Lindalva Miranda e Rhauan Macedo