Secretário de Turismo define prazo para Centro de Convenções

Centro de Convenções de Teresina foi a pauta abarcada pelo gestor

Dispondo de grande expectativa para o desenvolvimento do turismo de negócios no Piauí, a obra do Centro de Convenções de Teresina foi a pauta abarcada pelo secretário de turismo, Flávio Nogueira. Dentre os anseios encontra-se o esforço para colocar o Estado num novo patamar na área, abarcando avanços imprescindíveis no andamento da economia piauiense. No limiar das expectativas, a concentração se reflete na finalização do projeto em até dois anos, atualmente, cerca de 35% do ponto de eventos está concluído.

A retomada da ação neste ano corroborou a atenção na resolução dos entraves, absorvendo demasiada atenção por parte do Executivo, nisso, o engenheiro responsável, Reginaldo Leal, dispôs sobre a atual situação do Centro de Convenções. “A obra poderá ser concluída em até dois anos, provavelmente no final do próximo ano já estará pronto, mas tudo depende do repasse. Temos informações de que o Governo já tem dinheiro em caixa para que a obra seja concluída o mais breve possível”, impôs.

Nogueira detalhou a organização do Governo na condução do projeto, fator reverberado pela garantia nos recursos a serem empregados na obra. “Dentro de até dois anos poderemos estar entregando essa obra concluída. O Governo já tem a verba assegurada. A obra é delicada e por isso muita coisa já foi feita na fundação. Temos boas expectativas”, detalhou.

Por fim, o gestor ressaltou o projeto da equipe governista em ampliar o turismo local, sintetizando as intervenções realizadas em São Raimundo Nonato, com a recente liberação do aeroporto e a condução dos debates sobre o Porto de Luís Correia, direcionando a meta de incluir o Piauí na principal rota de visitas de todo o Brasil, explorando ao máximo o potencial da nossa terra.

Fonte: Francy Teixeira