SP iniciará segunda fase de testes em humanos da pílula do câncer

200 pacientes com dez tipos diferentes de tumor vão ter o remédio

O Governo de São Paulo anunciou nesta terça-feira (5) que vai iniciar a segunda fase de pesquisa clínica para testar o medicamento fosfoetanolamina sintética no tratamento do câncer. A nova fase de análise do remédio que ficou conhecido como “pílula do câncer” vai começar no dia 10 de outubro no Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (Icesp).

Ao todo, vinte pacientes para cada um dos dez tipo de tumor – cabeça e pescoço, pulmão, mama, cólon e reto (intestino), colo uterino, próstata, melanoma, pâncreas, estômago e fígado – passaram a receber a fosfoetanolamina.

Os voluntários são pacientes do Icesp e passaram por uma triagem antes de serem selecionados. A nova fase terá uma duração estimada de seis meses, sendo que as pessoas serão avaliadas a cada duas semanas nos primeiros dois meses. Passando essa etapa, a avaliação será mensal.

Pílula do câncer (Crédito: Divulgação)
Pílula do câncer (Crédito: Divulgação)
Fonte: iG