"Tatuzão" começa a perfurar túnel da Linha 4 do metrô no Rio de Janeiro

Equipamento é capaz de perfurar 4 vezes mais rápido que escavadeiras. Nova linha ligará Barra da Tijuca, na Zona Oeste, a Ipanema, na Zona Sul.

O Tunnel Boring Machine, o "Tatuzão", começou a operar em torno de 8h10 desta segunda-feira (23) e vai perfurar cerca de 16 Km de extensão dos túneis da Linha 4 do Metrô, que ligarão a Barra da Tijuca, na Zona Oeste, a Ipanema, Zona Sul, entre as Estações General Osório e Gávea.

A máquina pesa mais de 2 toneladas, tem 120 metros de comprimento e mais de 11 de diâmetro. O equipamento é capaz de perfurar quatro vezes mais rápido que as escavadeiras normais. Este é o maior "Tatuzão" da América latina e o maior equipamento utilizado em obras metroviárias do Brasil.



"É um momento histórico, é uma ligação esperada há décadas. Permitindo que as pessoas do Rio de Janeiro inteiro possam circular de forma decente, digna e confortável. São 300 pessoas trabalhando em três turnos, 7.500 homens em todo o trajeto, 15 a18 metros por dia. Primeiro perfura a rocha, entra na areia na Barão da Torre e volta para rocha na Igarapava", explicou o governador Sérgio Cabral nesta segunda-feira (23).

De acordo com o governo do estado, a partir de 2016, a Linha 4 do Metrô vai transportar mais de 300 mil pessoas por dia e retirar das ruas cerca de dois mil veículos por hora.

"Os moradores da região não precisam se preocupar, pois o impacto não será sentido", garantiu o gerente do produção do Consorcio Linha 4 Sul, Aluísio Coutinho.

Fonte: G1