Técnicas da Psicanálise ajudam crianças a perderem o medo de dentista

temor e o desconforto na cadeira de dentista podem ser facilmente tratados

Criada por Sigmund Freud, a psicanálise vem sendo usada por uma dentista brasileira para fazer com que crianças percam o pavor de dentista. Nada de divã, cortinas pesadas e olhares sisudos. O que ela usa são brinquedos, desenhos, argilas e muita flexibilidade na hora de tratar os problemas bucais de seus pequenos pacientes. Na cadeira de dentista, o motorzinho se transforma em um avião e a broca, em um trenzinho que, por meio da imaginação, conseguem levar a criança para além da sala do consultório.

No 28º Ciosp - Congresso Internacional de Odontologia de São Paulo, que termina dia 3, a cirurgiã-dentista e psicanalista Sonia Pineda Vicente apresentou a monografia inédita "Experiências de Encantamento na Odontopediatria: A hipnose e as consultas terapêuticas na Odontopediatria", elaborada para curso de especialização em Psicopatologia e Saúde Pública da Faculdade de Saúde Pública da USP.

Neste trabalho - que é um desdobramento de sua tese de mestrado em Odontopediatria para a Faculdade de Odontologia da USP -, ela explica como as técnicas da psicanálise e os ensinamentos da Medicina Psicossomática podem ajudar crianças a perderem o medo de dentista. O estudo envolveu seis crianças, de 18 meses a 12 anos, e uma jovem esquizofrênica de 23 anos.

Fonte: maxpress