Apple demite funcionário por comentário no Facebook

Funcionário é demitido da Apple por fazer crítica à empresa no Facebook

A Apple é famosa por manter um controle rígido sobre tudo que diz respeito à empresa, desde os conteúdos disponíveis na AppStore a informações sobre seus projetos futuros. E o mesmo vale também para seus funcionários. Para a empresa de Cupertino, usar as redes sociais para fazer comentários negativos sobre a empresa é motivo de demissão.

E foi exatamente isso que aconteceu a Crisp, agora ex-funcionário de uma loja Apple. Pouco depois de publicar comentários em uma página privada do Facebbok denegrindo a imagem da gigante da tecnologia e seus produtos, Crisp foi informado sobre sua demissão da empresa. O caso chegou ao gerente da loja graças a um colega de trabalho, que também estava em sua lista de amigos do Facebook e tirou um print da publicação.


Apple demite funcionário por comentário no Facebook

Crisp recorreu no Tribunal do Trabalho Britânico, alegando que os comentários foram feitos de forma privada e fora do seu horário de trabalho. Seu apelo, porém, foi negado pelo tribunal, com o argumento de que a empresa possui uma política clara que proíbe esse tipo de comentário em mídias sociais, e que a mensagem pode ser copiada e transmitida com facilidade.

Esse caso serve para mostrar que, assim como a internet pode ajudar na busca de empregos, seu mau uso pode acarretar em sérias consequências para os funcionários, e não só para os da Apple. Independente da política das empresa, o bom senso deve ser o principal aliado dos usuários de redes sociais para que eles não cometam esse tipo de erro e acabem perdendo seus empregos.

Fonte: techtudo.com.br