Blogueira é presa nos EUA por não entregar computador à Justiça

Por causa disso, a blogueira foi presa sob a acusação de desacato

Uma blogueira que não conseguiu entregar seu computador pessoal à Justiça para análise em um processo de difamação acabou presa por descumprir o mandado, informou o site "Inquirer".

De acordo com reportagem publicada no "Houston Chronicle", a corretora de imóveis Lyndal Harrington, de 53 anos, que escrevia para o site "Rose Speaks", está sendo processada por Virgie Arthur, mãe da falecida Anna Nicole Smith.

Harrington afirma que seu computador foi roubado. Aparentemente, a casa dela teria sido arrombada menos de uma semana depois de a blogueira ter sido convocada a levar o PC ao tribunal para busca de provas. Mas o juiz Tony Lindsay não acreditou na história.

Com isso, a blogueira foi presa sob a acusação de desacato. Harrington já foi liberada com a expectativa de que entregue o computador em audiência marcada para daqui a um mês, no dia 2 de julho. Mas ela continua afirmando que não poderá apresentar a máquina ao tribunal, porque simplesmente não possui mais o equipamento.

Além disso, a blogueira afirma que só fez o que fez centenas de outros fizeram - e ainda estão fazendo: escrevendo a sua opinião sobre a mãe de Anna Nicole Smith.

O caso de Harrington é um tanto incomum, uma vez que o juiz usou leis civis para colocar alguém na prisão. Mas não é raro um blogueiro ser processado sob acusação de difamação por Arthur, a mãe de Smith, observa o "Houston Chronicle". Na ação judicial por difamação e conspiração, ela também acusa outro blogueiro; o advogado Howard K. Stern e a irmã dele; o pai de Dannielynn, Larry Birkhead; produtores, entre outros.

Especialistas em leis da internet afirmam ser cada vez mais comum ver blogueiros processados por difamação, invasão de privacidade e infração de direitos autorais. Tanto que até um seguro contra essas ações já é oferecido por um grupo de blogs.

Mas, segundo o procurador Neil McCabe, que representa Arthur, a ação não é sobre blogs e sim sobre uma conspiração para difamar sua cliente em torno do tempo de guarda de Dannielynn, que poderá herdar uma fortuna US$ 88 milhões.

De acordo a ação, as mentiras espalhadas pela internet incluem as alegações de que Anna Nicole tenha sido abusada quando criança, e que Arthur teria se casado com seu meio-irmão.

Harrington, que postou textos no blog e moderou debates sobre Arthur no site "Rose Speaks", garante que não conspirou contra ninguém.

"Não posso me virar em uma coisa não tenho", disse Harrington, logo após ter saído da prisão, acrescentando que nunca imaginou passar por uma experiência tão "humilhante e degradante" em toda a sua vida.

Fonte: g1, www.g1.com.br